Como escolher o floral certo?

Os florais são excelentes alternativas naturais para tratar e equilibrar emoções, passando a ter melhor qualidade de vida. Quem quer investir neles geralmente enfrenta um problema, não saber quais escolher, afinal, existem vários florais no mercado.

Para lhe ajudar nessa tarefa, separamos dicas especiais para escolher os florais perfeitos. Confira e as coloque em prática para acertar na compra!

O que são florais?

Os florais são essências de flores utilizadas na conquista de harmonia e equilíbrio emocional. Foram descobertos pelo doutor Edward Bach, que estudou flores durante anos para encontrar aquelas que entregam o melhor resultado.

Atualmente, além dos florais de Bach também há outros igualmente eficazes, como os de Saint Germain e florais de Minas, todos aplicados em terapias para lidar melhor com emoções.

Como os florais funcionam?

Os florais funcionam como um suporte no equilíbrio de emoções, ajudando a harmonizá-las e se livrar de sensações ruins que podem, inclusive, causar doenças e distúrbios psicológicos.

Como escolher seus florais?

O ideal é se consultar com um especialista em terapia com florais, porque o profissional saberá analisar seu caso e identificar quais são os mais indicados para lhe auxiliar nesse momento.

Caso seu orçamento esteja apertado para consultar um terapeuta, existe a possibilidade de escolher os florais por si próprio. Neste caso, o segredo para acertar na escolha é analisar suas próprias emoções, procurando identificar o que realmente sente.

Pode ser ansiedade, medo, estresse, preocupações que geram insônia, indecisão, dificuldade de concentração, desânimo, entre outras emoções. Para cada uma delas existe um floral. Abaixo, apresentamos os tipos de florais mais são indicados para cada caso:

  • Mimulus: floral perfeito para acabar com medo de coisas terrenas, como doenças, acidentes, solidão, entre outros temores da vida cotidiana;
  • Impatiens: é um dos florais para ansiedade mais potentes, além de ser um grande aliado para lidar com impaciência, irritação e nervosismo;
  • Focum: destinado a remover ou superar traumas violentos. Também pode ser usado por bebês agitados sem motivo aparente, inclusive para manter o foco;
  • Ipê roxo: floral voltado a pessoas que não encontram saída em situação de traumas ou estresse. Auxilia na recuperação de desgastes físicos e mentais;
  • Piper: alternativa para quem se sente travado e tem medo de tomar decisões ou atuar em novos desafios. É uma opção, também, para quem tem toque de arrumação;
  • Lírio real: opção para quem se sente o tempo todo numa prisão e busca a energia da liberdade. Trabalha a remoção de experiências traumáticas e fortalece os chacras;
  • Cherry Plum: floral que tem como foco controlar e superar situações de estresse extremo e de colapso nervoso. Ajuda, também, a lidar com esgotamento mental, pensamento e ação impulsivos, e auxilia na perda de peso;
  • Chestnut Bud e Crab Apple: combinação de florais para emagrecer, trabalhando o aumento da autoestima, libertação de obsessões e controle.

Vale ressaltar que esses são somente alguns florais, existem mais que podem ser utilizados no dia a dia. Se quiser, é possível escolher e usar até sete florais por mês.

A posologia padrão para florais de Saint Germain, Bach ou Minas é de 4 gotas até quatro vezes ao dia ou conforme a recomendação de um terapeuta em florais.

Qual a forma mais barata para cercar um terreno?

Cercar terreno é importante para limitar o acesso à área, impedindo invasões. Além disso, é uma alternativa para quem atua em agropecuária, possibilitando uma contenção eficaz de animais.

Quem deseja investir em cercamentos normalmente se depara com valores elevados de instalação, o que leva muitos a se perguntar qual seria a forma mais barata de cercar um terreno. Esta também é sua dúvida? Então, continue a leitura para saná-la!

Telas para cerca baratas

Existem alternativas de tela para cerca com preços mais acessíveis, o que possibilita montar um cercamento sem estourar seu orçamento e ficar no vermelho. Conheça, a seguir, quais são essas telas:

Tela alambrado

A tela alambrado se caracteriza por ser confeccionada com arame de aço liso, com tramas entrelaçadas em formato losangular, embora também haja outras alternativas.

Trata-se de uma tela de arame eficaz, com boa altura, o que impossibilita escaladas e invasões. Além disso, é vazada, oferecendo boa visibilidade do que acontece ao redor.

Seu preço é acessível, principalmente em comparação a outros tipos de tela existentes no mercado. Além disso, é fácil de ser montada, demandando a utilização de poucas estruturas e acessórios, como mourões, grampos e amarrações simples.

Gradil

O gradil é uma alternativa para quem deseja algo diferente da tradicional tela para alambrado. Trata-se de uma grade de proteção modular simples e econômica de ser instalada, já que não demanda reformas para aplicação.

Possui boa altura e estética diferenciada, sendo uma opção interessante principalmente para áreas verdes como parques e praças ou quando se quer uma tela especial, que não chame muita atenção.

No que se refere à segurança, é extremamente eficaz porque é fabricada com um material liso e difícil de ser escalado, bem como de ser rompido, maximizando a proteção da área.

Como escolher tela alambrado e gradil

Existem dicas que podem ser aplicadas no momento da compra da tela alambrado e gradilpara acertar na aquisição. Confira, abaixo, quais são elas:

Invista em tela alambrado ou gradil em aço galvanizado

As telas alambrado e gradis confeccionados com arame de aço galvanizado são resistentes a danos e não enferrujam com o passar do tempo. Na prática, isso significa que sua cerca durará mais e não demandará manutenções frequentes, ajudando a poupar tempo e dinheiro.

Se quiser uma alternativa às versões feitas com aço galvanizado, invista na tela ou gradil com revestimento de material sintético. Esta opção também é durável, mas possui um fator estético extra, o fato de ser colorida.

Atente-se às medidas

A tela para cerca de alambrado e o gradil possuem medidas específicas, como altura, comprimento, malha e espessura do arame. Verifique em seu projeto quais são essas medidas, para comprar a versão adequada.

Dica para reforçar o cercamento

Além de investir na tela para cercar terreno, é possível reforçar o cercamento ao instalar materiais extras, como a concertina. Trata-se de um arame de aço com lâminas cortantes, ajudando a inibir invasores.

A concertina pode ser instalada acima do alambrado ou gradil, de modo a aumentar a segurança do espaço e minimizar o risco de invasões no terreno. O melhor? O material tem preço justo, ideal para quem deseja economizar.

Quanto tempo dura a faculdade de Logística?

Quem pensa em fazer uma faculdade de Logística EAD sabe que, durante o curso, aprenderá todo o necessário para se tornar um profissional capaz de utilizar as tecnologias como ferramentas para aperfeiçoar os processos logísticos, e ainda irá adquirir habilidades para o planejamento e a coordenação de atividades física e de informação relacionadas às operações de transportes, armazenamento e distribuição, proporcionando assim um fluxo de bens mais eficiente e benefícios que ajudarão a alavancar a qualidade dos produtos, isso é claro, de acordo com o que for ideal para empresa e seus respectivos setores.

Se você optar em fazer o curso de tecnologo em Logística, terá no mínimo 24 meses, ou dois anos, até que se forme. São ao todo quatro semestres, onde aprenderá de forma dinâmica o que o mercado de trabalho precisa. São disciplinas menos focadas em teorias e sim no que te deixará pronto para sair da faculdade direto para o primeiro emprego já sabendo o que deverá fazer para atuar com sucesso na área.

Grade Curricular

Bom, já que falamos acima sobre o quão bem preparado estará ao receber seu diploma no fim do curso, nada mais correto do que mostrarmos, semestre por semestre, quais são as disciplinas que compõem a faculdade de Logística a distancia.

1º Semestre

  • Filosofia das Ciências Sociais
  • Empreendedorismo
  • Prática Textual em Língua Portuguesa
  • Sociologia Geral
  • Fundamentos da Economia
  • Métodos e Técnicas de Pesquisa
  • Gestão de Pessoas

2º Semestre

  • Legislação Empresarial
  • Direitos Humanos e Relações Étnico-Raciais
  • Comunicação Empresarial
  • Língua Brasileira de Sinais – Libras
  • Administração da Produção e Materiais
  • Gestão de Operações e Estoques

3º Semestre

  • Gestão da Cadeia de Suprimentos
  • Canais de Distribuição de Marketing
  • Educação Ambiental e Cidadania
  • Logística Reversa
  • Gestão de Compras e Fornecedores
  • Tópicos Especiais em Logística

4º Semestre

  • Gestão de Custos e Riscos Operacionais
  • Logística e Transporte Internacional
  • Gestão de Transportes
  • Mobilidade e Logística Urbana
  • Sistemas de Movimentação e Armazenagem

Além de fazer as provas referentes a cada uma das disciplinas citadas acima, e claro, conquistar as notas necessárias para ser aprovado, no decorrer do curso tecnico em Logistica também é necessário realizar as atividades complementares (que já estarão disponíveis desde o primeiro semestre) e as atividades integradoras (no segundo e no quarto semestres).

Mercado de Trabalho

Se precisa de mais um empurrãozinho para tomar sua decisão definitiva de efetivar a matrícula no curso de Logística a distancia, lá vai… O mercado de trabalho para formados nessa área é bastante aquecido, tendo frequentemente oportunidades a espera do candidato certo, que no caso pode ser você.

Boa parte das vagas está concentrada em indústrias, empresas de transporte e comércio eletrônico, lojas, supermercados, e claro, nos órgão públicos, principalmente aqueles que lidam com esse segmento.

Entre as principais áreas de atuação podemos destacar o comércio internacional, a gestão de cargas e redução de cursos e perdas empresariais, planejamento da demanda e estoques, armazenamento e embalagem, controller, gerenciamento da cadeia de suprimentos (supply chain), prevenção de perdas, processos logísticos, gestão da informação, coordenação das rotas e meios de transporte, isso para citar apenas alguns.

Mas claro, para ter o conhecimento necessário e ser bem visto pelo mercado de trabalho, nada melhor do que fazer seu curso tecnico EAD em Logística em uma instituição de ensino superior que ofereça a melhor qualidade no ensino, material didático que te permita escolher se prefere estudar offline ou online, seja com livros impressos, videoaulas em DVD ou em suas versões digitais e, obviamente, que tenha credenciamento junto ao Ministério da Educação, preferencialmente com uma excelente nota.

Para um primeiro emprego, acredite, as empresas tendem a dar oportunidades àqueles que têm exposto em seu diploma ou currículo a informação de que o curso foi concluído em uma excelente faculdade a distância. E queremos que esse seja o seu caso.

Agora é com você, analise todas as informações que passamos no decorrer do texto, seja em relação a grade curricular e ao mercado de trabalho, e se realmente for o que você imaginava, se você se identificou, busque a melhor faculdade de Logística a distância, faça sua matrícula e prepare-se para futuramente ser um dos melhores profissionais da área e ser disputado pelas mais conceituadas empresas do ramo. Só depende de você! Bons estudos e sucesso!

Por que estudar serviço social?

Se você quer saber mais sobre os motivos de fazer uma faculdade de serviço social veio ao lugar certo. Vamos esclarecer suas dúvidas, falar um pouco sobre o dia a dia de trabalho do profissional da área, e também, sobre o que é ensinado durante o curso de serviço social. Para começar, vale falar que essa é uma profissão bem dinâmica, por isso, o trabalho diário do assistente social é bem movimentado. Ele pode trabalhar na execução e avaliação de projetos de políticas públicas. Mas ainda, é possível que ele faça perícias técnicas, estudos socioeconômicos e demais pareceres para instituições tanto públicas quanto privadas.

Podemos dizer que o assistente social tem como objetivo promover ações e projetos para garantir o bem-estar físico, social e psicológico dos cidadãos. Afinal, ele promove orientação sobre questões de saúde, educação, moradia e tantos outros pontos, auxiliando as pessoas a conquistarem seus direitos. Por isso essa é uma profissão de suma importância para a sociedade. É bom lembrar que esse profissional trabalha diretamente com pessoas, principalmente com aquelas que estão em situação de vulnerabilidade social. Ou seja, o trabalho pode ser realizado com dependentes químicos, presidiários, moradores de rua, pessoas de baixa renda, grupos de minorias étnicas e refugiados, por exemplo.

Mas é preciso diferenciar o trabalho do assistente social com o assistencialismo. A atuação desse profissional é em busca da universalização dos direitos tanto humanos quanto sociais, para isso, são criadas e executadas políticas públicas. Já o assistencialismo se refere mais a ajuda momentânea e pontual.

 

Onde trabalha um assistente social?

Depois de concluir o curso de serviço social, esses profissionais podem escolher um ou mais dos campos de atuação da profissão. É possível conquistar uma vaga de trabalho em empresas públicas e privadas. Há boas oportunidades para consultoria em empresas, assim como, ONGs e instituições. As áreas que sempre estão em busca desses profissionais são: educação, saúde e sociojurídica.

Na parte da educação, é possível trabalhar em escolas, universidades e secretarias. Já na saúde, as vagas são nas unidades básicas de saúde, hospitais, postos de saúde e secretarias. O poder jurídico emprega assistente social nas áreas de infância e idoso, além de prevenção a violência doméstica. Ainda é possível conquistar uma oportunidade em presídios, no atendimento socioeducativo e nos centros de acolhimento de crianças e adolescentes.

Ou seja, agora você já sabe sobre a importância do trabalho desses profissionais e conhece um pouco mais sobre a área de atuação. Como é possível observar, o leque de possibilidades de trabalho é vasto. Ou seja, são boas as chances de você conquistar uma vaga logo depois de formado.

 

Saiba mais sobre a faculdade de serviço social

Agora que você já sabe que o assistente social é responsável por coletar dados, realizar laudos e estudos sociais, além de outras funções, vamos voltar um pouco e falar sobre a faculdade de serviço social. Afinal, ela é o primeiro passo na sua trajetória para uma carreira de sucesso.

O curso de serviço social possui duração de quatro anos. Durante esse período, o estudante terá acesso a diversas matérias da área. Como, por exemplo: Sociologia Geral; Filosofia das Ciências Sociais; Métodos e Técnicas de Pesquisa; Ética e Responsabilidade Profissional; Teoria do Direito; Estatística Aplicada; Direitos Humanos e Relações Étnico-Raciais; Introdução à Administração; Antropologia Social; Introdução às Ciências Sociais; Fundamentos Teóricos e Metodológicos do Serviço Social; Psicologia Social e Comunitária; e muitas outras.

Durante a faculdade de serviço social, o aluno também passará pelo estágio supervisionado. Essa é uma etapa muito importante em que o estudante terá uma prévia de como será o seu dia a dia de trabalho. Também conseguirá desenvolver algumas atividades, mas ainda terá ao seu lado um supervisor para mostrar o melhor caminho a ser seguido. Nessa etapa é importante estar sempre pronto para absorver conhecimento, mas também, mostrar seu comprometimento e conhecimento. Afinal, é o seu primeiro trabalho na área e é importante fazer boas relações profissionais.

Além dos projetos e provas, o aluno também realizará o Trabalho de Conclusão de Curso (TCC). Esse também é um momento importante, já que é preciso mergulhar mais fundo em teorias e projetos relacionados ao serviço social. Então, não encare apenas como um projeto que vale a sua aprovação, mas também como um processo de aprendizagem.

Itens com valor sentimental onde guardar?

Conforme os anos passam, a família aumenta ou diminui ou os filhos crescem, organizar os itens ou objetos que possuem valor sentimental por marcar algum momento importante ou ter sido de alguém especial, é um processo que exige tempo e atenção. Sempre procuramos um espaço para guardar tais itens para que não atrapalhe o espaço livre de sua casa e estejam protegidos. 

Guardar e organizar objetos sentimentais é o momento de ter lembranças, de sentir saudade e alegria. Para quem se apega a esses objetos, a organização não deve ser um momento de preocupação e sim de sentimento bom. Siga alguns passos de filtragem e armazenamento desses itens:

Itens da infância: podem ser itens escolares, roupas ou brinquedos que possuam lembranças da infância. Guarde o que tem maior representatividade, como diplomas, fotos, brinquedos, primeira roupa, entre outros.

Itens de familiares ou amigos. Há quem guarde objetos que foram de familiares já falecidos, presentes de amigos, recordações de filhos, fotos, etc. O importante é limitar a quantidade de objetos guardados, pois podemos perder o controle. Por vezes reveja o que pode continuar guardado e o que pode ser descartado, sem culpa. Tente manter apenas o que tiver maior emoção e importância. Se for foto, mantenha as que retratam momentos bons e prazerosos. 

 

Serviço de Self Storage

Para te auxiliar nessa tarefa de organizar e armazenar itens com valor sentimental, existe o serviço de self storage. Assim como presente em todo o país, o self storage em Curitiba da Guarde Mais oferece a oportunidade de armazenagem de objetos, documentos, eletrodomésticos, roupas, automóveis, assim como o Guarda Móveis. Esse serviço oferece a locação de box, onde o contratante loca o box desejado por tempo indeterminado (mínimo de um mês). 

Self storage Guarde Mais é seguro?

Ao adquirir o box desejado, o cliente tem direito a armazenar o que desejar. O ambiente é limpo, dedetização e totalmente seguro. A chave do box fica em posse somente do cliente e pode ser acessado a hora que quiser. A empresa possui segurança 24 horas e sistema de alarme. 

Ao investir em um self storage, você está investindo em qualidade de vida. Desta forma, otimiza o espaço em sua casa e deixa de gastar tempo e esforço com a armazenagem de objetos. Poderá aproveitar melhor seu tempo sem preocupações e esforços. Procure já o self storage da Guarde Mais e aproveite o lado bom da vida!

 

Quanto o SUS gasta com cada paciente no Brasil? Médias e Resultados

Em 2009, o governo brasileiro gastou US $367 por pessoa em cuidados de saúde, de acordo com o programa das Nações Unidas para o desenvolvimento. É um décimo quarto tanto quanto o governo Luxemburguês, o maior gastador per capita do mundo. É menos de um oitavo dos 3.074 dólares gastos pelo governo dos EUA. O governo federal brasileiro gasta 3,6% do Produto Interno Bruto do país em cuidados de saúde, de acordo com Sérgio Piola, pesquisador da Ipea, Instituto de pesquisa de Economia Aplicada do Brasil. Isso representa cerca de US $ 56 bilhões do PIB de US $ 2,03 trilhões que o Brasil, a oitava maior economia do mundo, gerou no ano passado. De acordo com Piola, o Brasil deve gastar pelo menos 6,5 por cento de seu PIB, ou US $132 bilhões por ano, se quiser cumprir seu objetivo de um sistema universal de saúde funcional.

Mesmo em comparação com o resto da América Latina, o governo brasileiro está bem abaixo da lista de gastadores de saúde. A vizinha Argentina aloca mais do dobro—cerca de US $758 per capita anualmente—, enquanto Cuba gasta US $329 e México US $327. Todos os três países têm melhores índices de atendimento à saúde e mais altos rankings de desenvolvimento social da ONU do que o Brasil. No setor privado, quando são adicionados gastos com cuidados de saúde privados, os gastos do Brasil saltam para 8,4% do produto interno bruto—cerca de US $855 por pessoa. Em outras palavras, esta economia em desenvolvimento gasta quase a mesma porcentagem de sua renda nacional em cuidados de saúde que os países desenvolvidos que formam a OCDE, onde os gastos são de cerca de 9 por cento do PIB.

Benefícios garantidos aos pacientes

Cuidados de saúde gratuitos, em teoria é o que se tem de garantia. A constituição de 1988 estipula que os cuidados de saúde para todos são um direito fundamental, e por quase duas décadas, o Brasil forneceu muitas drogas essenciais para todos os que precisam deles gratuitamente. O poder do Brasil como um único comprador nacional ajuda a reduzir os custos durante as negociações com as empresas farmacêuticas.

Custos com remédios

Programas para fornecer drogas gratuitas ou subsidiadas para os pobres através de clínicas de saúde pública—”farmácias populares”—ou como parte de programas especiais em farmácias privadas foram expandidos pelos governo federal, estadual e local nos últimos anos. As leis de embalagem e as campanhas de sensibilização promovem o acesso a genéricos de baixo custo, e as empresas de medicamentos genéricos publicam anúncios na TV em horário nobre. Corinthians, o segundo clube de futebol mais popular do Brasil, é financiado por uma empresa de medicamentos genéricos. Quando o Brasil não consegue obter um bom preço para a medicina essencial, sobrepõe-se às patentes de drogas, comprando ou legalizando a compra de cópias de produtores regulamentados de medicamentos genéricos em todo o mundo.

Resultados dos investimentos

Os resultados também foram dramáticos. A expectativa de vida à nascença subiu 10%, enquanto a mortalidade infantil caiu 59%. Ainda assim, tornar os cuidados de saúde um direito livre e universal dificilmente criou um sistema onde todos recebem cuidados de qualidade. Apesar dos seus méritos, o sistema é muitas vezes ineficaz ou simplesmente quebrado.
Limites do sistema

Como o Farmácia Popular virou referência no combate à Diabetes no Brasil

O Brasil é um dos poucos países que disponibiliza remédios gratuitos para toda a população, sobretudo para tratamento de doenças crônicas como a Diabetes.  Em vista dos resultados obtidos a forma como funciona a Farmácia Popular acabou tornando-se referência para o tratamento de doenças crônicas como a diabetes, demonstrando que a acessibilidade a medicamentos é um dos pontos importantes para  garantia da qualidade de vida de pacientes e a diminuição do índice de doenças crônicas em países subdesenvolvidos.

O projeto de combate a diabetes no Brasil

O projeto de combate a insulina no Brasil iniciou-se em 2011, quando as farmácias privadas associadas ao Ministério da Saúde proporcionaram  aos pacientes por meio do programa Farmácia Popular (e em São Paulo o Programa Aqui Tem Remédio), três medicamentos antidiabéticos orais totalmente gratuitos:

  • 5 mg de glibenclamida
  • 500 g de metformina e
  • 850 g de metformina

Requisitos

Para se obter basta ter um cadastro no SUS e levar consigo um documento original com foto e a receita médica para mostrar ao farmacêutico. Será enviado uma nota para confirmação da retirada do medicamento.

Resultados do projeto

Segundo a Organização Mundial da Saúde, o acesso a medicamentos essenciais é um dos cinco indicadores de progresso e garantia de direitos à saúde. Afinal, a população mundial sem acesso a medicamentos essenciais está diminuindo em aproximadamente 1.3 – 2.1 mil milhões todos os anos.

Nos países em desenvolvimento, como é o caso do Brasil, existem maiores diferenciais nos níveis de consumo de medicamentos entre as populações de nível socieconômico mais altas. Na América Latina, especialmente, existem maiores dificuldades de se garantir o direito a esses medicamentos básicos – coisa que o Brasil provou saber fazer de forma eficaz com um programa que não custa muito aos cofres públicos.

Segundo informações do Sistema Único de Saúde o governo deverá proporcionar medicamentos que estejam na lista de medicamentos essenciais. Somente na Bahia, por exemplo, 24,6% dos pacientes com diabetes compraram seus medicamentos em farmácias privadas, o restante, o obteve gratuitamente.

Para aumentar ainda mais o acesso, em 2006 o estado começou a subsidiar aproximadamente 90% do custo de todos os medicamentos para o tratamento de diabetes e hipertensão arterial (doenças que andam juntas).

Como um resultado do esforço realizado pelas instituições aumentou consideravelmente a disponibilidade de medicações contra ambas as doenças nos centros de atendimento, tanto hospitalares como nos postos de saúde. Além disso, o tratamento se demonstrou mais eficaz, visto que os pacientes passaram a ter mais facilidade em manter a continuidade ao tratamento, de forma gratuita.